Arquivos de Tag: Espiritualidade

A Subestimada Oração

Parece-me que poucas coisas são tão renegadas pelos ocultistas contemporâneos quanto à oração. Embora eu consiga pensar em razões que justifiquem a aversão a esta categoria, continuo convicto de que aqueles que deixam tais razões saírem vitoriosas perdem imensamente. Venha comigo tentar explorar um pouco sobre essa questão. “Inflama-te em oração!” – já nos aconselhava […]

Auto observância

Aturar a si é algo que deveria ser mais praticado entre todos, não como uma lambuza e brisa passageira, mas como uma forma de análise da mente e do que teu corpo pede, entendendo seus processos e caminhando com suas forças e fraquezas. Infelizmente tal instrumento de poder vive muito constantemente na tendência do outro; […]

Nove Nobres Virtudes? Para quem?

Ah, como eu tenho evitado esse tema. É um tema quase político, com extremistas (sim, muitos fascistas), religiosos em guerra e abastados sem causa, tenho plena consciência e sei que aquilo que for dito aqui pode causar ainda muito rebuliço e dores de cabeça, talvez incitando o ódio moralista dos mais novos, e mexendo com […]

À Morte

Dançam os guardiões dos portais entre as dimensões, transitam entre o aqui e o acolá. Riem da nossa cara, danados, sabem que o equilíbrio mora no desbalanço. E nós aqui, bandeiras ao alto pela permanência da pele, da carne, da juventude, da estabilidade econômica, da alma imortal (mas com esse meu rostinho, claro), de coisa […]

Maria Navalha

Em se tratando de Mulheres na História da Magia, a primeira coisa que passa pela minha cabeça são as pombogiras. Nós nos baseamos muitas vezes na imagem da bruxa nórdica, ao mesmo tempo em que caminhamos sobre os ossos dos nossos antepassados, levantando a poeira da nossa própria terra. Eu honestamente ainda não sei de […]

Resgatando “A” Bruxa

“Deixai-me dizer apenas que eu estou à vossa volta e talvez já esteja dentro de vós. Se assim não fosse, como poderia eu reconhecer vossos pensamentos, até mesmo aqueles que vós tentais esconder de vós mesma? Quem sou eu? Sou uma pequena alma, que fala abertamente, sem cerimônia. Somos inseparáveis. Sabeis há quanto tempo estou […]